Funções da Calculadora Financeira HP

Aqui no Jardim Valentina já postei sobre esta Super Calculadora aqui e aqui fornecendo informações e livros para baixar e aprofundar o conhecimento em suas muitas funcionalidades.

Hoje trago aquele resumo essencial para quem quiser imprimir e colar no caderno. Me ajuda muito no dia a dia e então vim compartilhar com vocês e espero que seja tão útil quanto pra mim:

(f) INT – juros simples.

Juros Simples Comercial = (1 no = 360 dias).

Juro Exato = dias exatos entre datas

RPN – Notação Polonesa Reversa

O significado de 10% é 10/100, ou seja, para resolver este cálculo, dividimos o valor de 10 por 100 e o resultado multiplicamos por 100.

Capital ou Valor Presente (PV)

Prazo ou Número de Períodos (n)

Taxa de Juros (i)

Montante ou Valor Futuro (FV)

Prestações (PMT)

Para que o número que está no visor fique negativo, deve-se pressionar a tecla CHS (Change Sign = troca o sinal).

Para aumentar as casas decimais da calculadora, pressione a tecla f e, em seguida, o número correspondente às casas que se deseja.

Yx  = Tecla utilizada para potenciação. Ex.: 22  = 4. Na HP digitamos 2, pressionamos em seguida a tecla ENTER, e, pressionamos novamente o número 2. Por fim, pressiona-se a tecla yx.

 = Tecla utilizada para tirar a razia quadrada. Ex.: Raiz de 4. Na HP digitamos o número 4, em seguida a tecla azul g e, por fim, a tecla  . Digitamos o g antes, pois a função raiz está na cor azul e precisa ser pressionada a tecla azul antes de pressionar a raiz.

1/x  = Tecla utilizada para gerar o inverso de um número. Ex.: Inverso de 7. Na HP pressionamos a tecla do número 7 e, em seguida, pressionamos a tecla 1/x.

(g) LN = Tecla para gerar o logaritmo natural. Ex.: Logaritmo de 7. Na HP digitamos 7 g LN.

LN = Tecla para gerar o logaritmo natural. Ex.: Logaritmo de 7. Na HP pressionamos a tecla do número 7, em seguida, a tecla g, e, por fim, a tecla LN.

CLX = se tivermos um número qualquer no visor e quisermos apagar, basta pressionar a tecla CLX.

(f) FIN = apaga os registros financeiros.

(f) CLX = para apagar as memórias e registradores financeiros, estáticos e algébricos pressionamos primeiro a tecla f e, em seguida, pressionamos a tecla CLX.

R = Memória rotativa que apresenta no visor os últimos 4 registros do ENTER.

LST x = recupera o último número digitado no visor. Para isso, precisamos pressionar a tecla g e, em seguida, a tecla LST x.

ENTER = Separador de números.

Se se quer colocar o resultado da soma 3 + 3 na memória 2. Então você primeiro faz a soma de 3 + 3 na HP, ou seja, digita o número 3, em seguida, pressiona o ENTER, e, novamente, o número 3, por fim, a tecla de adição +. Agora que se tem o resultado no visor, e se deseja colocá-lo na memória 2, basta digitar a tecla STO e, em seguida, pressionar número 2.

RCL = recupera os números das memórias. Ex.: Recuperar o número 4 colocado na memória 1. Pressionamos na HP a tecla RCL e, em seguida, a do número 1.

STO EEX = introduz a letra C no visor da máquina. Esta letra deve estar sempre no visor da calculadora para termos os resultados corretos nos cálculos, principalmente em juros compostos. Se desejar retirar o C, basta pressionar novamente a tecla STO e, em seguida, a tecla EEX. Porém, convém deixar o C aparecendo no visor da calculadora.

Ponto ou Vírgula = para deixa-la na forma correta ou mais funcional, desliga-se a máquina e pressiona-se a tecla ponto (.), inicia-se a máquina com a tecla do ponto pressionado e, posteriormente, solta-se a tecla ponto.

%T = através dessa tecla, podemos calcular o percentual em relação a um total.

PressioneVisor
200200,00
ENTER200,00
2020
%T10, ou seja, 10%

% = Tecla que calcula a porcentagem em relação a um valor (porcentagem tradicional).

PressioneVisor
20002.000,00
ENTER2.000,00
14 
%280,00

Δ% = Tecla utilizada para calcular a variação em percentual entre dois números (valor menor pelo maior para ver o aumento em percentual).

PressioneVisor
300300,00
ENTER300,00
350350,00
Δ%16,67, ou seja, 16,67%

(g) D.MY = dia, mês e ano que é o calendário português (pressione a tecla (g) e após o número 4).

1 – Introduza o(s) dígito(s) do dia (no máximo 2 dígitos).

2 – Pressione a tecla do ponto decimal (.).

3 – Introduza os dois dígitos do mês.

4 – Introduza os quatro dígitos do ano.

5 – ENTER

6 – Zero (g) DATE

Tabela de Dias da Semana
Segunda-feira01
Terça-feira02
Quarta-feira03
Quinta-feira04
Sexta-feira05
Sábado06
Domingo07

Data anterior = suponha que hoje é dia 11/10/2010 e você precisa saber que data era 35 dias antes de 11/10/2010.

PressioneVisor
11.10201011.102010
ENTER11.102010
35 CHS– 35
(g) DATE6 092010 1
A data era 09/09/2010, uma segunda-feira

(g) ΔDYS = apresenta o cálculo da quantidade de dias entre duas datas.

PressioneVisor
10.03201010.032010
ENTER10.032010
20.052010 
(g) ΔDYS71, ou seja, 71 dias

Cálculo de Prazo Médio = é preciso unir todos os prazos (a tecla ∑+ está localizada ao lado esquerdo da tecla +).

Pressione
(f) CLX
15 ENTER (período de 15 dias)
2000 + (valor com vencimento em 15 dias)
27 ENTER (período de 27 dias)
18000 + (valor com vencimento em 27 dias)
31 ENTER (período de 31 dias)
32000 + (valor com vencimento em 31 dias)
(g) xw (a tecla xw é segunda função da tecla 6)
29 (é o resultado do prazo médio, ou seja, 29 dias)

Taxa Equivalente = percentual pago por período quando se tem somente o percentual do período completo.

(f) CLX 
100 CHS PVCapital fictício com sinal negativo
2 iTaxa informada em meses
12 nTempo entre a taxa informada e a procurada
FVMontante no visor – 126.82417950
100 –Retirando o valor de 100, o resultado é a taxa equivalente
 Neste exemplo é 26,82417950% ao ano

Taxa Aparente e Taxa Real = exemplificando, uma aplicação de R$ 1.000,00 teve um rendimento de R$ 345,00 em 1 ano. Se a inflação do período foi de 30%, calcular a rentabilidade aparente e a real da aplicação. 

Taxa AparenteTaxa Real
1000 (valor inicial)130 (100 + taxa da inflação)
ENTERENTER
345 (valor do rendimento dos juros)135,50% (100 + taxa aparente)
%TΔ%
34,50% é a taxa aparente3,46% é a taxa real da operação

Cálculo de Valor Presente = exemplificando, um forno elétrico foi adquirido de forma parcelada. O cliente vai pagar 12 prestações mensais e iguais de R$ 55,87 sem entrada. Sabendo que a loja que vendeu o bem opera com uma taxa de 1,99% ao mês, calcule qual deveria ser o valor do forno à vista:

(g) 8Ativando o modo (end) ou sem entrada
(f) CLXLimpando as memórias e registradores financeiros anteriores
55,87 CHS PMTValor das prestações lançadas no PMT com sinal negativo
12 nNúmero de prestações
1,99 iTaxa lançada
PV 
591,21É o valor presente ou à vista

Da mesma forma se pode calcular o percentual ou o número de prestações, é só ir utilizando os dados que se tem. FV é a tecla de valor futuro, quando se quer saber o valor final dos pagamentos parcelados.

Este manual faz parte do meu livro sobre finanças, adquira aqui.

*****

Se quiser doar qualquer valor para este blog, aponte a câmara do seu celular para imagem acima quando estiver dentro do seu aplicativo bancário ou diretamente pelo PIX tinaventuri@gmail.com.
Muito obrigada!

Qual sua opinião?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.